Santos da casa fazem milagres

Ou como manter junho o melhor de todos os meses.

Junho é um mês espetacular, na medida em que tem bastantes feriados. Só isso seria suficiente para fazer dele o melhor, mas o sexto mês do calendário gregoriano não se fica por aqui. Além da quantidade absurda de feriados, presenteia-nos com o Dia da Criança, o primeiro dia do verão e três festas que conhecemos por Santos Populares. Santo António, São João e São Pedro, conforme a região do país. Noites de sardinha assada, manjerico, arraial, alho porro e festarola até às tantas, com as ruas cheias de gente feliz, mesmo que alguns abusem da felicidade e depois tenham manhãs complicadas.

Este ano, no entanto, não há Santos para ninguém. Temos pena. Pena e um vírus que teima em colar-se a nós como este tempo miserável que não lembra a ninguém. Há quem tenha a marca do fato de banho ao contrário, de tão branco estar. Portanto, não temos arraiais, mas temos imaginação e temos Cabriz, valha-nos isso. E a Cabriz podemos sempre adicionar uma bela sardinhada e um grupo de amigos com quem celebrar os Santos Populares em segurança e fazer deste mês de junho um espetáculo na mesma. Até porque, e esta é uma informação de extraordinária importância, a sardinha já está gordinha e muitíssimo saborosa. Valha-nos Cabriz.

Ajuda-nos a fazer um arraial de fãs no no Instagram e no Facebook e, entretanto, instala os nossos stickers de WhatsApp aqui e surpreende os teus amigos mais chatos.

Partilhe em:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp