Blog

A estação embirrante

Todas as estações são iguais mas algumas são mais iguais do que outras. Pode ser impressão nossa, mas parece-nos que o outono é a estação mais palerma de todas. Fica ali, entalado entre o verão e o inverno, não é uma coisa nem outra. Com a primavera acontece mais ou menos o mesmo, note-se, mas

Ler mais »

Regressos

Antes o trabalho que a trabalheira. E assim, quase sem darmos por isso, estamos em setembro. Setembro com o regresso às aulas e tudo o que ele traz: ver os horários, encomendar os manuais, comprar mochilas, canetas, lápis, borrachas, réguas, esquadros, transferidores, compassos, blocos de papel cavalinho, calculadoras, cadernos, dossiers, pastas e micas de plástico.

Ler mais »

Estamos aqui, estamos no Natal

Ou como aproveitar o tempo em Portugal. Agora que a segunda quinzena de Agosto começou, entrámos oficialmente na fase “estamos aqui, estamos no Natal”. Dirão os mais velhos que é o tempo a voar e os mais novos que o tempo não voa, eles é que estão velhos. Perspectivas. Seja ela qual for, concordamos todos

Ler mais »

Um verão com boa onda

Deitar ou não deitar na toalha. Há dois tipos de pessoas no mundo. Bom, na verdade há uma infinidade de tipos de pessoas no mundo, mas só dois interessam verdadeiramente: as que gostam de torrar ao sol e as que não aguentam mais do que trinta segundos numa toalha de praia. Às primeiras, recomendamos naturalmente

Ler mais »

Santos da casa fazem milagres

Ou como manter junho o melhor de todos os meses. Junho é um mês espetacular, na medida em que tem bastantes feriados. Só isso seria suficiente para fazer dele o melhor, mas o sexto mês do calendário gregoriano não se fica por aqui. Além da quantidade absurda de feriados, presenteia-nos com o Dia da Criança,

Ler mais »

Em harmonia com a harmonização

O que combina com o quê. Vamos falar sobre harmonização? Vamos. A harmonização é a busca do equilíbrio perfeito entre o vinho, o prato e nós mesmos. Isto, claro, explicado de uma forma muito simplificada e, acima de tudo, muito chata. Caramba, saborear um bom vinho não é necessariamente uma viagem espiritual, mesmo que o

Ler mais »

O que traz abril

Coisas boas, coisas menos boas e Cabriz. Abril não é dos piores meses. O tempo dá as primeiras tréguas, se exceptuarmos os dias em que se põe a justificar o provérbio “abril águas mil”; celebra-se o Dia Mundial da Terra e a liberdade; desconfinamos novamente; as pessoas começam a perder aquelas caretas invernosas e mal

Ler mais »
Assiste ao novo manifesto Cabriz e descobre.

És cá dos nossos? Assiste ao novo manifesto Cabriz e descobre.

Se és um chato, um enochato, um coca-bichinhos ou um picuinhas, se adoras números, estatísticas, fórmulas, receitas e sabes coisas que não interessam a mais ninguém, então, sejamos sinceros, o manifesto Cabriz é capaz de não ser para ti. Mas, ainda assim, podes partilhá-lo com aqueles teus amigos mais descomplicados, aqueles genuínos que se riem

Ler mais »