Blog

Concurso de Vinhos de Portugal 2018: Cabriz Touriga Nacional Branco conquista medalha de Ouro

Concurso de Vinhos de Portugal 2018: Cabriz Touriga Nacional branco conquista medalha de Ouro

Mais de 160 jurados, nacionais e internacionais, avaliaram cada um dos 1307 vinhos, de 372 empresas diferentes, em competição no Concurso de Vinhos de Portugal 2018. O júri não teve dúvidas: Cabriz Touriga Nacional branco 2017 conquistou a Medalha de Ouro.
Os vinhos distinguidos com Medalhas de Ouro no Concurso Vinhos de Portugal terão presença garantida em eventos internacionais de excelência, a realizar em 2018, como a ProWine Shanghai, Romantic Encounter do Japão, o Campus Hamburgo e as Provas de Varsóvia, Luanda, Zurique, Nova Iorque e Oslo, para além de momentos de degustação ao longo do ano no Museu La Cité du Vin.
À semelhança das edições anteriores, o Concurso Vinhos de Portugal teve uma primeira fase, realizada no CNEMA, em Santarém, na qual cada vinho foi apreciado em prova cega por um júri composto por especialistas em vinhos, nacionais e internacionais, entre enólogos, jornalistas, sommeliers e outras entidades ligadas ao mundo do vinho. Com base nas escolhas feitas na 1.ª fase do Concurso, o Grande Júri – composto por John Szabo MS (Canadá), Evan Goldstein (EUA), Dirceu Vianna Junior MW (Brasil e Reino Unido), Andrés Rosberg (presidente da ASI – International Sommelier Association), Luís Lopes (presidente do Concurso) e Bento Amaral, em representação de Portugal – escolheram os grandes vencedores do Concurso Vinhos de Portugal.
Os vencedores foram conhecidos esta sexta-feira à noite, 18 de maio, na gala de entrega de prémios do Concurso Vinhos de Portugal, que se realizou no Convento do Beato e contou com a presença do ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, e do secretário de Estado da Agricultura e Alimentação, Luís Medeiros Vieira.
Este concurso é uma das grandes apostas do Plano de Promoção que a ViniPortugal desenvolve ao longo do ano. Levar os produtores nacionais a apostarem na melhoria contínua da qualidade e da diferenciação dos seus vinhos; incentivá-los a reforçar a aposta na comunicação e na capacidade de negociação; e continuar a elevar a notoriedade dos vinhos portugueses junto de influenciadores e decisores estrangeiros, que se deslocam até ao nosso país são os objetivos desta iniciativa.

Partilhe em:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp