Conversa de elevador

Carregamento de botões carregados.

Parece que vem aí um dos maios mais quentes de sempre, mas não é isso que nos traz aqui, porque isto é um blogue, não é um elevador. Por falar em elevador, já era altura de todos sabermos utilizar um, não era? A questão com os elevadores é que a maioria das pessoas é distraída, e está tudo bem com isso. O problema põe-se apenas quando esta maioria coexiste com a minoria mais atenta e sucedem situações como a seguinte:

Uma pessoa atenta encontra-se num átrio. Carregou no botão para chamar o elevador e está calmamente à espera que o dito chegue. Nisto, entra no mesmo átrio uma outra pessoa, só que das distraídas. Vai daí e carrega no mesmo botão que já está carregado. É um ato inútil (o elevador não vem mais depressa por se carregar duas vezes no botão) e que pode levar a interpretações erradas por parte da pessoa atenta, como “tu queres ver que este acha que eu não sei carregar em botões? Valha-me Cabriz!”

Carrega o teu telemóvel com os nossos stickers de WhatsApp e segue-nos no Instagram e Facebook.

Partilhe em:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp